Envie por e-mail

Carregando...
Carma: aprenda a lidar com isso

Carma: aprenda a lidar com isso

Há as pessoas que aceitam a as que não aceitam a teoria do carma e a reencarnação. Mas, você sabe o que é carma? O termo “carma” é derivado do sânscrito e quer dizer “ato”, “ação” e “reação”, sendo a lei máxima da evolução espiritual. Uma vez que a personalidade-alma tenha executado uma determinada ação, a reação é inevitável.

Segundo o astrólogo mineiro, Randler Michel, o carma, também conhecido como a lei de compensação ou destino de cada personalidade-alma, é determinado pelo modo como é utilizado o livre-arbítrio nesta e nas outras encarnações. Assim como cada personalidade-alma tem seu carma, ela não está livre de viver, ainda, o carma coletivo, que abrange toda a sociedade ou uma determinada região.

De acordo com Randler, desde o seu nascimento, a criança recebe sua herança cármica. Sua vida já está moldada, porém, a partir do momento que toma consciência dos seus atos é que passa a superar mais os problemas da vida. Ao compreender a dimensão do amor e do perdão e o efeito de dar e receber, o indivíduo pode, com seus atos, transmutar o seu carma em dharma (carma positivo). O astrólogo explica ainda que o nosso destino inclui as escolhas pessoais através do nosso livre-arbítrio. “Estamos também sujeitos as escolhas coletivas como, por exemplo, as escolhas dos nossos governantes”, disse.

Para o astrólogo, para o ser humano viver bem, é preciso que ele consiga expandir a sua consciência e buscar a sua evolução moral e espiritual independentemente de sua denominação religiosa ou filosófica. “Quando mais você praticar a lei do perdão e da tolerância para com seu semelhante, mais estará contribuindo para melhorar a sua própria evolução moral e espiritual. Devemos fazer as nossas escolha com mais consciência”, disse.

Reflexão

Questionado sobre o que de negativo e positivo o carma pode gerar na vida de uma pessoa, Randler Michael responde: “tudo, inclusive todas as questões que evolvem a qualidade de sua vida”. Ele propõe a seguinte reflexão:

“Se todos nós somos filhos de um único Deus, por que algumas pessoas são mais privilegiadas que outras? Por que uns tem tanto e outros nada possuem? Qual pai daria ao filho uma pedra, quando este lhe pede pão? Creio eu que todas essas diferenças são resultado do nosso livre arbítrio em vida passadas. A nossa vida é moldada de acordo com o nosso carma, os dos nossos associados e entes queridos. Muitas vezes somos impulsionados para os mesmos tipos de comportamentos e situações. Neste ciclo resgatamos ou reparamos alguma falha, no entanto, podemos repetir os mesmos erros. Há pessoas que enfrentam carma na saúde e há outras que enfrentam os mesmos tipos de problemas nos seus relacionamentos pessoais. Cada um colhe aquilo que semeia”.

Envie por e-mail

Carregando...

Lembrete de Aniversário

Mande uma surpresa para todos os seus amigos que fazem aniversário em breve.

Conectar ao Facebook